terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

14ª

Não sei o que vai dentro
Se é só saudade.
Mas de fora, vem o cheiro
E invade
Talvez seja minha alma voltando
Pra ver como vão as coisas.

Vem o gosto na boca:
dança de roda, futebol na rua,
corrida atrás de pipa,
joelho ralado, casa na árvore,
colo de mãe, abraço de pai,
e muito açúcar, (não pode faltar).

O tempo, vai cozinhando minhas lembranças,
Em fogo baixo.

3 comentários:

Nicoli disse...

Amor.. que lindo!!!

"O tempo, vai cozinhando minhas lembranças,
Em fogo baixo"...
Isso é muito lindo!!!

Beijão...

Anônimo disse...

cara, tu já comentou isso....
acho que um dia , num bar ou num café na sua casa.
abraço
maikon k
www.vivonacidade.blogspot.com

Sílvia disse...

eu vejo nos textos que você escreve uma maturidade tão grande que sempre penso a mesma coisa: o vini é um jovem tão velho! acho lindo. um beijo!